Isaac Durojaiye

Isaac-Durojaiye-Attribution-Flickr-User-GlobalX menorDMT Mobile Toillets / Nigéria – http://www.dmttoilet.com

O nigeriano Durojaiye notou que a falta de banheiros, limpos e públicos, era responsável por muitas doenças que acometiam sua comunidade. Montou, então, uma rede de toaletes públicos, em que os moradores de rua e as viúvas que cuidam e limpam ficam com 60% do arrecadado; ele, fica com 40%.

“Você não pode me ajudar se realmente não conhece os meus problemas”. Para ele, há um abismo enorme entre quem pensa política pública e quem, de fato, é atingido por ela e cita como exemplo uma favela: como é possível alguém, de dentro de um gabinete, que nunca passou necessidade na vida, pensar em ações para quem mora nesse tipo de moradia sem nunca ter sentido na pele o que é realmente necessário? Fala também da importância de se compartilhar idéias, não escondê-las.

O que faz o DMT Mobile Toillets

Para garantir o suprimento de banheiros móveis que demandavam os nigerianos, Durojaiye implementou uma fábrica local de sanitários químicos. Uma vez construídos e instalados em mercados, estacionamentos, esquinas e outros locais estratégicos, ele é “arrendado” a um jovem que irá se responsabilizar por manter os banheiros limpos, funcionais e, desta maneira, receberá uma percentagem própria dos lucros de sua utilização.

Com a renda obtida pela venda dos banheiros para igrejas, empreiteiras e outras companhias a preços mais rentáveis, Durojaiye viabiliza a realização deste trabalho. Desde 2003 foram construídos 1.500 banheiros e já são dois mil os que foram aprovados pelo Governo do Estado de Lagos, que poderão gerar 2 mil empregos para jovens desempregados do entorno. Além de Lagos, Isaac expandiu o modelo para Abuja, Aba, Abeokuta, Enugu, Ibadan, Nsuka, Port-Harcourt, Oshogbo, Bayelsa, Ilorin, Kaduna, Kano e Onitsha (Nigéria).

O que Isaac Durojaiye diz em Quem se Importa

ü  As pessoas precisam começar a pensar fora da caixa. Os desafios de hoje são muito diferentes dos de ontem. Assim como não serão iguais aos de amanhã. Habilidade de pensar fora da caixa e de fazer as pessoas se envolverem.”

ü   “Trazendo o espírito de Richard Branson, o homem que gosta de fazer dinheiro, de um lado, e trazendo o espírito da Madre Teresa, a mulher que quer melhorar a sociedade de outro. Junte os dois e você terá um empreendedor social.”

ü  “Eu defino ideias como um paraquedas. Um paraquedas é um equipamento maravilhoso apenas quando é utilizado para a sua função. (…) E eu vejo as ideias da mesma forma. Ideias são coisas que devemos poder libertar”.